Cabelo Saudável: Melhores Dicas Para a Saúde dos Seus Fios

Se você precisa de dicas de como cuidar do cabelo, hoje nós vamos te entregar um checklist completo com sugestões e detalhes sobre como manter o cabelo saudável, e te dar as melhores dicas para a saúde dos seus fios.


Por isso, vem com a gente descobrir a melhor rotina de cuidados, como lidar com a calvície, e como deixar seu cabelo saudável, bonito e com brilho natural. Acompanhe:

Cabelo Saudável: Melhores Dicas Para a Saúde dos Seus Fios
Cabelo Saudável: Melhores Dicas Para a Saúde dos Seus Fios (Imagem: Canva)

Cabelo saudável: Como cuidar dos seus fios


Você já percebeu que o cabelo é uma das partes do nosso corpo que mais recebe atenção? Estamos sempre preocupadas se ele está bonito, alinhado e hidratado.


Contudo, o tratamento e cuidado com os fios deve se estender para além da estética. Isso porque ele deve estar sempre saudável, da raiz até as pontas. Ou seja, temos que cuidar dele como um todo.


A princípio, os cuidados devem começar primeiro no couro cabeludo, já que ele é o responsável por “segurar” os fios, e também pelo nascimento dos novos cabelos.


Dito isso, será que você realmente tem dado a devida atenção ao couro cabeludo? Calma, neste artigo vamos trazer as melhores dicas de cuidados que você precisa adotar.


Começando por ele então, a estrela deste post: o couro cabeludo é o responsável pela origem das nossas madeixas, e os cuidados com essa região são refletidos nos fios.


De acordo com vários especialistas no assunto, o couro cabeludo também é pele, e merece o mesmo cuidado que outras partes do nosso corpinho. Viu como ele é importante?


Pensando nisso, elencamos abaixo algumas dicas específicas para cuidar dessa região tão importante e sensível. E você confere cada uma delas a seguir:


1 – Higienizar o couro cabeludo é muito importante


Infelizmente, muitas pessoas cometem o erro de dar mais atenção ao comprimento do cabelo. No entanto, quem realmente merece cuidados redobrados é o couro cabeludo.


Nesse sentido, a lavagem correta vai proporcionar um crescimento saudável, regular e natural. Quem não deseja um cabelo saudável da raiz às pontas, não é mesmo?


Na hora de lavar o cabelo, dê essa atenção especial ao couro cabeludo. Massageie cuidadosamente com as pontas dos dedos, não as unhas. Elas podem conter bactérias e agredir o seu couro.


2 – Lave o cabelo dia sim, dia não


Você já deve ter escutado por aí que lavar o cabelo todos os dias pode ser prejudicial. Bom, acontece que a lavagem diária só vai prejudicar se você não secar corretamente os fios.


Contudo, o mais indicado mesmo é lavar dia sim, dia não. O acúmulo de glândulas sebáceas pode provocar o aumento de sebo. Ou seja, vai deixar seu cabelo oleoso.


3 – Água quente jamais


Eu sei, o inverno está chegando e nada melhor que um banho quentinho, ainda mais depois de um dia cansativo. Porém, a água quente é inimiga dos nossos fios.


Então, sempre opte por uma temperatura equilibrada, de preferência em torno dos 35° graus. Ah, e lavar o cabelo na água fria demais também pode ser prejudicial.


Agora que já falamos sobre os principais pontos dos cuidados com o cabelo, vamos tratar de um assunto importante: a calvície! Ficou curiosa? Vem conferir então!

Calvície: Tudo o que você precisa saber


Bom, nós falamos sobre vários cuidados com o cabelo e com o couro cabeludo. No entanto, deixamos para o final um tema importante e que merece atenção: a calvície!


A princípio, a queda de cabelo pode ser um problema para muitas pessoas. Mas na vida das mulheres, a queda de cabelos pode ser um verdadeiro pesadelo.


Infelizmente, o surgimento da calvície pode ser um abalo e tanto na autoestima. Contudo, saiba que existe tratamento, com possibilidade de reduzir os danos.


Atualmente, a alopecia androgenética, ou calvície feminina, atinge cerca de 5% das mulheres brasileiras. Ela costuma aparecer sempre da mesma forma, com falhas gradativas e que vão aumentando.


Como identificar a calvície feminina?


A princípio, a calvície androgenética feminina costuma ser mais branda do que em homens, por conta dos níveis de testosterona. Pode atingir várias áreas do couro cabeludo, mas não uma calvície completa.


Mais do que a quantidade de cabelo que cai, é importante analisar a densidade do couro cabeludo. Outro fator que pode causar a calvície são alterações hormonais.


Por exemplo, durante a gravidez ou menopausa, a mulher passa por um aumento repentino da testosterona no organismo. Resultado: uma queda de cabelo.


Como tratar do cabelo em queda?


Agora que já entendemos as causas da calvície, vamos falar sobre o tratamento correto. No entanto, aqui o mais correto é procurar um médico especialista o quanto antes.


Desse modo, ele vai poder prescrever o tratamento mais adequado para seu couro cabeludo. E lembre-se: o que funciona para uma pessoa, não necessariamente vai funcionar para você!